Transforma Sertão

Com a sua ajuda o Ministério Conexão ide está à transformar a região do Sertão Nordestino. Conheça abaixo nossa Ação Contínua Transforma Sertão. Ao final desta página há uma variedade de recursos do Portal Conexão ide .com.br todos reunidos para que você se aprofunde mais na causa da evangelização do Sertão. Aproveite! Ore, Envolva-se, Doe, Compartilhe.

CONHECENDO O SERTÃO NORDESTINO

O Nordeste é formado de nove Estados:

Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraiba, Rio Grande do Norte, Ceará, Piaui e Maranhão.

Pode-se dizer que há dois Nordestes.

O Nordeste mais desenvolvido.

É o Nordeste do litoral, das capitais, das praias ensolaradas, dos shoppings, da economia forte, culturalmente desenvolvido, com muitas igrejas evangélicas, e movimentos evangélicos em expansão.

O Nordeste pouco desenvolvido.

Onde há muito analfabetismo, milhões abaixo da linha da pobreza e muita superstição. Centenas de cidades com baixíssima porcentagem de evangélicos. Milhares de povoados sem nenhuma igreja evangélica.  71% das cidades menos evangelizadas do Brasil estão nessa área. Das 485 cidades brasileiras com menos de 3% de evangélicos, 343 estão no Sertão Nordestino.

Fala-se em 10.000 comunidades rurais, ou vilarejos, sem igrejas.

O Nordeste todo tem em torno de 52 milhões de habitantes.

Cerca de 46 milhões vivem no Sertão.

16 milhões na área rural.

O Nordeste do litoral tem 06 milhões de habitantes; o Nordeste do interior, ou interiores, tem 46 milhões de habitantes. Juntando o interior de cada um dos nove Estados, temos o Sertão Nordestino.

Do ponto de vista espiritual, o litoral vem sendo bem trabalhado pelos evangélicos. A densidade evangélica nessa região é boa. Conta com igrejas fortes, grandes, com poder econômico bom. O Sertão Nordestino, ao contrário, é bem pouco evangelizado. Igrejas pequenas, dependentes financeiramente de outras igrejas e de missões. Muitas cidades com menos de 2% de evangélicos.

A seca, além de ser um problema climático, é uma situação que gera dificuldades sociais para as pessoas que habitam a região.
Com a falta de água torna-se difícil o desenvolvimento da agricultura e a criação de animais. Desta forma, a seca provoca a falta de recursos econômicos, gerando fome e miséria no Sertão Nordestino.
Pessoas precisam andar durante horas, sob sol e calor forte, para buscar água, muitas vezes suja e contaminada.
Com uma alimentação precária e consumo de água de péssima qualidade, os habitantes do Sertão Nordestino acabam vítimas de muitas doenças.
ASSISTA ABAIXO UM VÍDEO COM UMA DE NOSSAS AÇÕES NESTA REGIÃO:

> CONFIRA A LISTA DE REPRODUÇÃO DO PROJETO ÁGUA DA VIDA (Vídeos de Curta Metragem dos momentos de atuação e documentação).