Vítimas da seca recebem água contaminada em caminhões-pipa

Durante dois meses, o Fantástico percorreu a região Nordeste para investigar como funcionam os programas que combatem a seca com caminhões-pipa.

Um crime contra a Saúde de Brasileiros Carentes!

Esse foi o tema da reportagem especial do Fantástico do domingo dia 1º de dezembro de 2013. Durante dois meses, a Equipe do “Fantástico” percorreu a região Nordeste, para investigar como funcionam os programas que combatem a seca com caminhões-pipa.

Eles encontraram tanques imundos, água contaminada e entregas que não chegam nunca. A reportagem é de Wilson Araújo, Alan Graça Ferreira e Maurício Ferraz.

“No meio do agreste nordestino, perto de um rio seco, e de famílias que sofrem com a falta d’água, um tanque de combustíveis está à venda. O preço: R$20 mil. ‘Se for dinheiro, dá pra baixar. Botar em R$17 mil, R$18’, diz o vendedor”.

Até um ano atrás, o tanque era usado para estocar álcool e gasolina. A lei manda que um tanque desses, quando esgota sua vida útil, seja incinerado, destruído. Não pode transportar mais nada. Mas dois homens dizem que dá pra carregar água tranquilamente.

Fonte: G1

Comentários